Quer conhecer uma rede social diferente?

Talvez você já tenha ouvido falar.

Talvez até já tenha recebido um convite para participar.

Talvez tenha tido a mesma reação de alguns amigos que convidei.
“O que é esse Pinterest? Para que serve?”.

O Pinterest é, no momento, a terceira maior rede social, atrás do Facebook e do Twitter e na frente do Linkedin e do Google+. Apesar dessa invejável terceira posição, pelo que pude perceber, ainda não é muito utilizado por brasileiros.

O Pinterest é uma rede social diferente. Lá você não precisa ser amigo de ninguém. Mas nada impede que você siga os seus amigos. Aliás, se você fizer o cadastro utilizando sua conta do Facebook ou Twitter o Pinterest vai lhe sugerir que siga seus amigos. Mas não se sinta pressionado. Não é uma obrigação.

A comunicação ocorre basicamente através de imagens. Fotografias, desenhos, charges, vídeos. Imagens bonitas, poéticas, engraçadas, românticas, apetitosas, interessantes.

Todas divididas em categorias como moda, artesanato, decoração, culinária, esportes, viagens, etc

O Pinterest é um grande painel coletivo.

Dependendo das suas preferências ou do seu estado de espírito, pode ser uma galeria de arte. Ou uma revista de moda. Ou um livro de receitas lindamente ilustrado. Ou um pouco de cada coisa. Só depende de você.

Funciona mais ou menos assim. Alguém compartilha uma imagem ou vídeo. As outras pessoas podem ver essa imagem, marcar que gostaram e/ou compartilhar também.

As imagens podem ser carregadas a partir do seu computador ou encontradas na internet. Você talvez já tenha reparado nos sites que visita que além dos botões para compartilhar no Facebook, Twitter e alguns outros, agora também aparece um botão escrito “Pinterest” ou “Pin it”.

Pode-se comentar as imagens mas não é necessário e você vai perceber que os comentários são mínimos.

Se você é um usuário mais ou menos assíduo do Facebook deve ter notado que imagens e vídeos normalmente recebem uma quantidade maior de interações, seja na forma de “curtidas” ou comentários. Pode-se dizer que o Pinterest resolveu explorar apenas esse lado visual.

Assim como o verbo principal do Facebook é “curtir”, o verbo do Pinterest é “pinar”. E não adianta reclamar que isso não é uma palavra. Quando o Pinterest realmente invadir as terras brasileiras, “pinar” vai virar um verbo de uso comum. “O que você pinou hoje?”. “Você não vai pinar essa foto? ”
Problemas de tradução ou adaptação de idiomas.

Como o Pinterest é um grande painel, o ato de prender ou colar alguma coisa no painel em inglês é “to pin”. Daí vem o nome. E os tradutores brasileiros decidiram criar o verbo “pinar” para manter o espírito. E também o verbo “repinar” que significa compartilhar um item no seu próprio painel. Estranhamente, os tradutores portugueses decidiram manter o inglês “repin”.

Mas como o Pinterest é essencialmente visual, o idioma não faz muita diferença.
Se você gosta de apreciar e compartilhar imagens, o Pinterest é o lugar para você se expressar. Ou variar do Facebook. Ou apenas se distrair.

Mas não é só isso. Se você tem um site de comércio eletrônico, pode utilizar o Pinterest como forma de divulgar seus produtos. Blogs de receitas também são grandes usuários do Pinterest. Afinal, quem é que resiste a clicar em uma linda imagem de um prato bem-feito?

Se você ficou curioso, pode conhecer o Pinterest mesmo sem se cadastrar. Os painéis são públicos. Você vai precisar de um cadastro apenas se quiser interagir, seja curtindo, comentando ou criando seus próprios painéis. Ah, você também pode compartilhar o que curtir no Facebook e no Twitter ou incorporar no seu blog, se você tem um.

Para se cadastrar, basta solicitar um convite no próprio site. Ou pedir uma indicação para um amigo.

E então? Vamos pinar?

Anúncios

5 comentários Adicione o seu

  1. Claudio Voloch disse:

    Isto está me cheirando a ORKUT… Melhor concentrar numa só rede social!!!

    1. Você nem leu o artigo? Não tem nada a ver com Orkut. Não poderia estar mais longe.

  2. Hamilton disse:

    Nem sempre queremos escrever algo a respeito do que vimos, queremos tão somente demonstrar que gostamos , por isso a importância do curtir para quem postou.
    Essa rede social social tem tudo pra dar certo porque vai de encontro ao que a maioria faz… enfim, vou lá dar uma pinadinha e já volto

  3. Fania disse:

    Marisa, já tinha entrado algumas vezes, mas não me sinto confortável em escrever algo, esta a maioria escrita em inglês, adorei muita coisa por lá, mas eu não tinha entendido o sentido deste site, mas tem muita coisa interessante. Gostei da sua explanação. Bjs

  4. Gabriel disse:

    Não acho que vai conseguir durar muito onde está… Eu pelo menos não gostei, pelo menos por enquanto, vou dar uma olhada.
    Mas a falta de comentários ( De acordo com o artigo ) fez com que eu não me interessa-se.

Dê sua opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s