Vivo, Claro, TIM ou Oi?

Outro dia escrevi um artigo descrevendo tudo o que eu agora podia fazer longe do meu computador depois de ter comprado um smartphone.

No mesmo artigo, eu também mencionei que todas essas facilidades só seriam possíveis com a colaboração das operadoras de celular. E que o serviço não andava grande coisa.

Pois é.

Uma das notícias com mais destaque nos últimos dias é a proibição imposta pela Anatel às operadoras TIM, Claro e Oi de vender novas linhas devido à quantidade de reclamações dirigidas ao órgão.

A Vivo também recebeu um grande número de reclamações mas não foi penalizada pela proibição. As matérias que li não explicam o motivo dessa regalia mas mencionam que Anatel espera que ela apresente um plano de ação para diminuir a quantidade de reclamações.

A primeira coisa que pensei quando vi as manchetes foi “Finalmente! Será que agora o serviço vai melhorar?”.

Nós não temos um bom histórico de prestação de serviços. Seja em telecomunicações, serviços financeiros ( bancos e cartões de crédito), transportes (de qualquer tipo), saúde.

As empresas de cada segmento se preocupam em vender, vender cada vez mais, bater metas de venda, superar a concorrência, mas aparentemente não ligam para o consumidor que compra seus serviços. E só nos resta a opção de trocar de fornecedor esperando que tenhamos mais sorte da próxima vez. Afinal, existem muitos clientes das operadoras punidas que estão contentes com o serviço prestado. Só pode ser sorte…

A minha operadora, que é uma das que foi penalizada me enviou a seguinte mensagem “Sobre as notícias recentes, informamos que continuamos investindo para garantir a qualidade dos serviços e sua satisfação. Obrigado por ser cliente ***”.

Ok. Não pretendo mudar de operadora neste momento.  Agora que a Anatel resolveu tomar uma atitude, vamos torcer para que as operadoras invistam na infraestrutura  necessária para que o serviço funcione decentemente.  Vai que mudo para outra e dou azar?

Influenciada pelo bordão que invadiu a internet, a segunda coisa que pensei foi “Imagina na Copa!”

Telefonia não é um serviço exclusivo dos habitantes da região. Qualquer turista que venha pra cá dependerá dos nossos serviços para se comunicar seja por voz ou por dados. Como irão enviar e-mails, twittar, postar fotos no Facebook e Instagram? Como vão se localizar sem os seus mapas nos celulares? E se hoje a maioria das operadoras não consegue atender nem a nós imagina quando recerbermos milhares de turistas na Copa?

Enfim, faltam apenas dois anos para a Copa! Se a medida tomada pela Anatel surtir efeito, agradecemos nós e todos os nossos convidados.

E, quem sabe, os outros serviços comecem a melhorar antes que algum órgão regulador resolva puni-los? Se der certo para um, porque não ir atrás dos outros, não é mesmo?

Ah, e se você é como a minha amiga Cecilia e também não sabe de onde surgiu esse “Imagina na Copa”, veja o vídeo.

Anúncios

Dê sua opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s