Falem mal mas falem de mim

(Créditos: Speedbump.com)

Hoje de manhã li uma história que apesar de não ser exatamente o tema deste blog achei interessante compartilhar com vocês.

É sobre uma foto publicada no site Reddit que poderia ter gerado um protesto indignado mas, ao contrário, gerou uma resposta extremamente educada e esclarecedora e um pedido envergonhado de desculpas.

Antes de continuar, convém explicar que o Reddit é um site onde os usuários publicam conteúdo a partir de links para outros sites ou textos próprios e outros votam de forma positiva ou negativa determinando a posição de destaque (ou não) na página inicial. É também um site onde a liberdade de expressão é muito enfatizada e, portanto, contém material que alguns podem achar impróprio.

Pois bem, a foto publicada foi essa aqui embaixo, com a legenda “I’m not sure what to make of this”, que daria uma tradução mais ou menos como “Não sei bem o que pensar disso“. É uma expressão comum em inglês.

No caso, a foto é de uma mulher, evidentemente, barbada. Seu nome é Balpreet Kaur e ela estuda neurociência e psicologia na Universidade de Ohio. De acordo com o artigo no site Mashable, ela soube da foto através de colegas de classe.

E o que pode parecer ridículo para a maioria de nós, para ela é perfeitamente normal. Ela é da seita Sikh e não admite alterar a sua aparência devido à sua crença. De acordo com ela, os Sikhs acreditam que o corpo é sagrado porque “é um presente que foi dado pelo Ser Divino… assim como uma criança não rejeita um presente dado por seus pais, Sikhs não rejeitam o corpo que lhes foi dado.

Na sua resposta ela ainda explica:

“Quando eu morrer, ninguém se lembrará de como eu me pareço, meus filhos esquecerão a minha voz e, lentamente, toda a memória física se desvanecerá. Entretanto, meu impacto e meu legado permanecerão; e, por não me focar na beleza física, eu tenho tempo para cultivar virtudes internas e direcionar minha vida para criar mudanças e progresso para este mundo da forma que eu puder. Por isso, para mim, o meu rosto não é importante mas o sorriso e a felicidade por trás dele são”.

A resposta gerou uma torrente de comentários apoiando a moça, e o próprio usuário que postou a foto se sentiu na obrigação de postar um pedido de desculpas.

“Eu me sinto no dever de me desculpar com os Sikhs, Balpreet e qualquer outra pessoa que eu tenha ofendido pela postagem da foto. Foi uma coisa simplesmente estúpida. Tirar sarro das pessoas é engraçado para uns mas incrivelmente degradante para as pessoas que são o alvo da brincadeira. Foi incrivelmente rude, crítico e ignorante.”

“Sinto muito por ser da parte do Reddit que é intolerante e idiota” ele continuou. “Eu li mais a respeito da religião Sikh e achei realmente interessante. Faz todo o sentido trabalhar para deixar um legado e não se preocupar com a própria aparência. Eu publiquei a foto para ganhar pontos na internet e fui ignorante”.

No caso acima, a atitude da moça fez com que não só o homem pedisse desculpas, como também contribuiu para que grande parte das pessoas que viram a sua resposta (inclusive eu) fosse pesquisar um pouco mais sobre os Sikhs.

De acordo com o Wikipedia, os Sikhs são seguidores do Sikhismo, uma religião monoteísta originada no século XV no Punjab, na Ásia Meridional.

É interessante ver como a atitude dela em relação à publicação de uma foto, aparentemente ofensiva para os nossos padrões ocidentais, gerou reações positivas e um pedido de desculpas.

@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@

Por outro lado, essa história vem de encontro a um sentimento que tem me perseguido há alguns dias.

Quando leio as notícias sobre a prisão do diretor geral do Google Brasil por causa de um vídeo em que um candidato à Prefeitura de Campo Grande (MS) é acusado de práticas criminosas, só penso que com a denúncia, o candidato ganhou mais exposição.

Se no início existia apenas um vídeo no YouTube, com a publicidade gerada pela denúncia, agora existem 128 resultados para a pesquisa do seu nome. Não sei se ele, em algum momento, negou as acusações. Mas que gerou publicidade, isso é certo. Gente do Brasil inteiro que nunca ouviria falar dele, agora sabe quem ele é. Pelo que consultei hoje no site do Ibope ele está segundo lugar com 30% das intenções de voto.

Da mesma forma que o “chute do Serra”. Um episódio ridículo onde ele perdeu o sapato dando um chute em um jogo de futebol foi transformado em exposição e publicidade através das inúmeras charges que surgiram na internet. E não tenho dúvidas de que algumas devem ter sido criadas pela sua própria equipe. Afinal, foi uma grande oportunidade para suavizar o candidato. Se você não ainda viu nenhuma delas, leia o nosso artigo “Como nasce um meme”.

Quanto mais se tenta negar ou desmistificar alguma coisa pela internet, maior é a exposição. Portanto, é bom saber lidar com isso.

Anúncios

Dê sua opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s