As eleições passam mas as amizades permanecem… (atualizado)

Escrevi este artigo há mais de dois anos, na época das eleições municipais. Relendo, percebi que o texto continua atual, mas as dicas que passei na época ficaram desatualizadas. O Facebook facilitou muito a vida de quem não quer ver a sua página entupida de propaganda eleitoral, ou qualquer outra publicação que não seja do nosso interesse.

Por isso, estou republicando com as dicas atualizadas.

Nessa época de eleições algumas pessoas se envolvem mais do que outras.

As mais entusiasmadas contra ou favor de determinado candidato utilizam as redes sociais em geral, e o Facebook em particular, para tentar angariar seguidores.

É compreensível que os ânimos se esquentem e, muitas vezes, as pessoas perdem a noção de medida.

E, de repente, um amigo se transforma em cabo eleitoral virtual, enchendo o seu mural com propaganda política.

Em alguns casos, isso pode ser motivo para acabar com a amizade, virtual e física.

“Como ele pode ser capaz de votar naquele candidato?”
“E ainda esperar que eu também vote nele?”

Em outras, podemos até concordar com o voto mas, assim como existem proibições à poluição visual nas ruas, temos que zelar pelo nosso espaço virtual.
Não queremos entrar no Facebook e encontrá-lo coalhado de “santinhos”.

Mas as eleições são transitórias. É só até o final de outubro.

Se você gosta do seu amigo, mas não suporta essa fase eleitoreira, não há motivo para bloqueá-lo ou desfazer a amizade no Facebook. Basta desmarcar a opção “Seguindo” e você não verá mais nada que ele publica.

É rápido, indolor e ninguém ficará sabendo a não ser você. Você pode alterar quando quiser, de preferência, depois que passarem as eleições.

fb_bloqueio

Considerando o nível que as eleições presidenciais atingiram, com a “troca de gentilezas” entre os seguidores de ambos os candidatos, muitas vezes é necessário bloquear a pessoa para não se aborrecer.

O bloqueio vale inclusive para pessoas que não são seus amigos mas que podem comentar nos seus posts públicos ou liberados para amigos de amigos.

Assim como a opção de parar de seguir ou dar um “unfollow” como se diz por aí, o Facebook facilitou muito a tarefa de bloquear uma pessoa. Veja a imagem ao lado.

Mais alguns dias e teremos um novo presidente… ou a mesma. Quem sabe? Nem as pesquisas tem muita certeza ….

Vote consciente!

 

 

 

Anúncios

Dê sua opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s